Polishop

sábado, 18 de fevereiro de 2012

Como lidar com ex?



Já dizia um ditado, que namorado não é pra sempre, mas em se tratando de ex-namorado com certeza é. Seu namoro não durou pra sempre, mas seus ex-namorados serão pra sempre seu EX. Uma coisa é certa, ex-namorados fazem parte da vida de qualquer mulher e em se tratando dessas espécies sempre há controvérsias. Algumas acham que conviver com eles não há problema algum, outras já não querem ver nem pintados de ouro, muito menos na frente delas, principalmente quem já foi traída ou levou um pé na bunda.

Quando o namoro acaba é nessas horas que você consegue ver o outro sem aquela cortina de endeusamento, sem por ele em um pedestal e consegue enxergá-lo realmente do jeito que ele é. Mas pense pelo lado positivo, ainda bem que você conseguiu se livrar daquele anta, já imaginou você perdendo seu preciosíssimo tempo com alguém que não ia te acrescentar em nada? Há males que vem para o bem. 

Eu sei que é difícil nos primeiros momentos engolir o fim de uma relação, ainda mais quando estava tão envolvida, mas eu te garanto que isso passa. Meu grande lema pra vida é: o tempo cura tudo e cura mesmo. Mas sei que para algumas fofoletes não há nada pior que ainda estar no chão da amargura, chorando litros, arrancando tufos de cabelos e querendo cortar os pulsos e do nada saber notícias do ex sem querer, encontrar o infeliz super bem, e o pior, com outra. Você achava que o sujeito já tinha morrido e de repente, lá está ele de novo. É dureza...Eu sei, mas isso se chama ressentimento, porque não há algo mais incomodativo e irritante que encontrar alguém que fez parte da sua vida, da sua rotina, que te amou, mas te magoou aparecer bem melhor que você. O que doí não é ver ele melhor que você, mas não pior que você está. Enquanto nós mulheres, a maioria das vezes quando terminamos passamos a noite em claro chorando na cama, eles passam a noite "bebemorando" em algum bar com os amigos e "catando outras".

Em se tratando dessa curiosa espécie que nunca está em extinção, há variadas classificações e alguns que com certeza você já se deparou em sua vida. Vamos conhecer algumas.

Tipos de EXs:

1- O EX que não te deixa em paz:

Um dos problemas quando é você quem termina, são aqueles ex que não te deixam esquecê-los, aqueles que continuam te ligando, te procurando. Eles ainda acham que podem ter o controle da sua vida. Essas espécies são muito mais comum do que você imagina. Às vezes eles já tem outra namorada, mas seguem firme e forte a sua caça. Cuidado!!! Geralmente são os que precisam de uma intervenção rigorosa da sua parte para se afastarem. Quem sabe você ligando pra atual namorada dele, ele não tome rumo de vez? Uma ameaçazinha não faz mal a ninguém. Se não der certo, vale também uma água benta, uns dentes de alho, ou uma benzedeira daquelas poderosas, pra deixar ele bem longe de você.

2- O EX ressuscitado:

São aqueles que do nada aparecem na sua frente, como quem não quer nada. Uma espécie que já tinha ficado lá no passado, morto e enterrado, e de repente aparece como num passe de mágica. Você achava que o indivíduo já tinha morrido e ...PUFF....lá está ele de novo. Pura coincidência? Acreditem, não é. Ele chega de mansinho, começa a te ligar, se fazendo de amiguinho. Ele te conhece, sabe das coisas que você gosta, sabe falar usando aquelas palavras certas, diz "com a maior sinceridade do mundo" que morre de saudades de você, que precisa te ver, nem que seja só como amigos. Você ingenuamente aceita esse cortejo, afinal, porque não ser amiga do seu ex? Mas não se iluda, tudo isso foi milimetricamente e friamente calculado. Alerta no ar!!! Se você tem a certeza absoluta que é algo que não quer mais para a sua vida, então corte o mal pela raiz. Lembre-se das noites que você passou em claro chorando, esperando uma mísera mensagem no celular, dos seus telefonemas não retornados, querendo ter uma conversa adulta. Então gata, mande pastar e que ele cante em outra freguesia. Dica preciosa: se você ainda tem, sei lá porque cargas d'água, o número do telefone dele em seu celular, substitua o nome dele pela palavra "Palhaço", dependendo de quantos ex você já teve, pode substituir por Palhaço 1, Palhaço 2, Palhaço 3...E assim por diante....E quando ele te ligar você já sabe: NÃO ATENDA!!! Eu aprendi com uma amiga essa dica finíssima e hot. E outra, ex bom é ex morto, mas lembre-se da próxima vez que enterrar alguém, certifique-se que ele está realmente morto e enterrado, porque às vezes, eles fingem e ressuscitam.

3- O EX maníaco:

São os obsessivos, os perturbados e malucos. São os chamados e conhecidos como: assombração. Esses são perigosos, já ultrapassaram as etapas das primeiras espécies. São aqueles que viraram os verdadeiros perseguidores. Seguem seus passos, sabem tudo da sua vida, aparecem nos lugares onde você está quando menos espera, são capazes de cometer verdadeiras loucuras em "nome do amor" e sempre de uma forma bizarra e até mesmo assustadora. Perigo!!! Com esses aí só mesmo com uma intervenção cautelar cedida pelo juiz. Prisão para eles. Isso dá cadeia.

4- O EX que te ignora ou finge que nem te conhece:

Esses são a espécie que quando o namoro termina, simplesmente passam a te ignorar, é como se você não tivesse existido na vida do infeliz. A grande maioria das pessoas normais e magoadas tem a singularidade de odiar seu EX, seja pelo motivo que for, às vezes até sem motivo algum, apenas pelo fato do relacionamento não ter dado certo, mas educação de mais ou de menos não faz mal a ninguém. Caso se cruzem por aí, um "Oi" não tira o pedaço de ninguém, mas esses tipos simplesmente não te conhecem mais e fazem questão de ignorar o passado que vocês tiveram. Em muitos casos, usam a desculpa de que as atuais namoradas não querem que eles tenham contato com a EX (no caso, você amiga), aí te deletam de tudo, do celular, do msn, das redes sociais e da existência humana. Amiga, melhor assim. Ex bom é ex abduzido.

5- O EX amigo...ELE EXISTE???

Esse tipo realmente me preocupa. Eu particularmente, não acredito em amizades com ex-namorados, mas há mulheres que não vêem nada demais nisso. Ok! Cada um com seu cada qual. Há mulheres que acham que é possível ter amizade com um ex, contando que haja respeito mútuo, principalmente em um não invadir o espaço e a vida do outro. Mas há outras tantas que concordam comigo, insistir em continuarem amigos é um tanto quanto delicado, ainda mais se uma das partes saiu machucada ou magoada na história. Acho bem difícil rolar uma amizade nessa situação. Imagina o ex conversando com você e começar a falar da sua mais nova conquista, e você lá, com aquela cara de trouxa escutando tudo, e pra piorar a situação ele ainda te pede conselhos sentimentais. Pra você??? Desculpa fofolete, mas não rola trocar confidências com ex e muito menos escutar as confidências dele. Você é a ex e seu ouvido não é pinico...Ahhh gata, não dá!!! Falecidos precisam entender, que pelo menos por um tempo, eles não devem existir. Continuo a falar e a insistir: ex bom é ex morto.

6- O EX morto:

São os melhores, os que estão enterrados, ou se você preferir, os que seguiram em frente. São aqueles que tem a elegância de sumir e cada um segue seu caminho e sua vida, e um beijo e não me liga. Esses até rola de acontecer uma conversa amistosa e educada quando se esbarrarem, sem traumas, sem ressentimentos e numa boa. Meus preferidos.


Uma coisa é certa, se o relacionamento acabou há uma necessidade natural de um afastamento temporário de ambas as partes, ou pra você esquecer o traste, ou para engolir uma pisada de bola que ele carinhosamente te proporcionou, ou simplesmente para cada um seguir em frente, afinal se acabou, não deu certo, porque não era pra ser. It's over baby!!! Porque se fosse pra dar certo, ele não se tornaria seu ex, concorda? Então é virar a página, encerrar o capítulo e fechar o livro, depois disso é só falar sem medo: NEXT!!! Afinal EX se chama "EX" porque são EXemplos de pessoas com quem não se deve mais se relacionar no futuro. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário